Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Bibi Ferreira ganha homenagem no Recordar é TV

Programa resgata entrevista da cantora, atriz e diretora para a TVE

O Recordar é TV celebra a diva Bibi Ferreira nesta terça (4), às 22h45, na TV Brasil. A partir do material de acervo preservado, a produção exibe trechos da edição especial do programa "Eu sou o show", exibido pela TV Educativa do Rio na década de 1980, época em que o musical "Piaf" fazia enorme sucesso com Bibi interpretando a cantora francesa.

Entrevistada pela jornalista Jalusa Barcellos, a atriz, cantora, compositora e diretora fala sobre a infância nos palcos, a experiência de fazer um filme em Londres e o famoso musical "Gota d'água". Também aborda a sua breve passagem como apresentadora pela TV Excelsior com o programa "Brasil 60".

Com 96 anos de idade e mais de 75 nos palcos em uma carreira de sucesso, a diva anunciou no segundo semestre de 2018 sua saída de cena com um comunicado nas redes sociais. A iniciativa da artista visa preservar a saúde após três sucessivas internações médicas.

Em 2017, a veterana fez uma turnê com o show "Por Toda Minha Vida" que a TV Brasil gravou no Teatro Oi Casagrande, no Rio de Janeiro, e exibiu na véspera de Natal. Grande dama do teatro e da música brasileira, Bibi encantou ao interpretar obras que se tornaram clássicos e celebrar parcerias inesquecíveis de sua trajetória.

Filha de Procópio Ferreira e a vida nos palcos

A formação em música, teatro, dança e línguas estrangeiras veio de berço. Filha da bailarina argentina Aída Izquierdo com o memorável ator brasileiro Procópio Ferreira, Bibi foi criada nos palcos. Ao longo de sua carreira, ela desenvolveu um reconhecido talento como atriz e diretora teatral.

Bibi Ferreira tem o poder de dominar uma plateia com seu magnetismo e faz do palco uma extensão do próprio corpo. Essa força não se pode atribuir apenas a um talento brilhante, mas também a uma preparação técnica vista em poucos atores brasileiros.

Durante a entrevista realizada pela TVE/RJ em 1988, a diva dos palcos reflete sobre a época de ouro do teatro brasileiro, num período em que se fazia mais teatro profissional no Brasil do que na Inglaterra.

No decorrer do programa, Jalusa Barcellos pergunta a Bibi Ferreira sobre o seu trabalho mais difícil. A artista declara que foi a peça "O noviço" (1952), de Martins Pena. Naquela montagem, a atriz interpretou um padre.

Apesar da baixa estatura, Bibi se transformou numa gigante quando interpretou a cantora francesa "Piaf" no musical homônimo ou a personagem "Joana" no espetáculo "Gota d'água", de Paulo Pontes e Chico Buarque. No programa "Eu sou o show"

Depoimentos de artistas

A homenagem a Bibi Ferreira exibida pela TV Brasil no programa Recordar é TV conta ainda com depoimentos de arquivo de personalidades da cena artística brasileira.

Nomes como Walmor Chagas, Léa Garcia, Guilherme Karan e Rogéria recordam a importância de Bibi para a música e a dramaturgia nacional em gravação dos anos 1980 para a TVE/RJ. Os artistas comentam a interação com Bibi nos palcos e coxias já que a diva dirigiu alguns deles em cena.

Saída de cena

Este ano, em setembro, Bibi Ferreira se retirou voluntariamente de cena para preservar a saúde após três sucessivas internações. Em mensagem publicada nas redes sociais, a atriz e cantora carioca de 96 anos anunciou que encerrava a carreira.

Segundo o comunicado, a diva Bibi Ferreira não vai mais se apresentar nos palcos seja como atriz ou cantora. Também não concederá mais entrevistas, nem mesmo por e-mail, como vinha fazendo nos últimos tempos.

Sobre a produção e as novas edições

O programa Recordar é TV leva ao telespectador conteúdos que representam momentos importantes da memória da televisão brasileira a partir de material preservado no acervo da emissora pública com os registros feitos na época da TVE do Rio de Janeiro.

Shows, programas de auditório, grandes entrevistas, matérias jornalísticas marcantes, musicais e peças de teledramaturgia serão revisitados em nova roupagem pela atração. O objetivo é tornar esses vídeos de acervo atraentes ao grande público e alvo da curiosidade daqueles que se interessam pela história das mídias como um dos expoentes da cultura nacional.

Para as próximas semanas estão previstas edições sobre personalidades como Nélida Piñon, Cacá Diegues, Nelson Pereira dos Santos, Bráulio Pedroso, Walter Avancini e Paulo José.

Serviço:
Recordar é TV – terça-feira, dia 4/12, às 22h45, na TV Brasil. 

Da Gerência de Comunicação Institucional
Empresa Brasil de Comunicação - EBC
Contato: (21) 2117-6471 / (21) 2117-6239

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.

Criado em 03/12/2018 - 12:00 e atualizado em 03/12/2018 - 12:00

Ultimas

O que vem por aí