Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Regina Tchelly: a cozinha como transformação social

Conheça a história o premiado projeto Favela Orgânica com o Bravos!

Regina Tchelly é uma chef de cozinha e empreendedora social que comanda o premiado projeto Favela Orgânica. A proposta de Regina é aproveitar integralmente alimentos naturais, incluindo cascas, talos, caroços e tudo o mais que, com criatividade e sagacidade, possa se tornar em receita. Aquilo que não for usado vira compostagem. O projeto também tem como foco aproximar pequenos produtores agrícolas da cidade e consumidores, fortalecendo assim esse ciclo.

Sediado no Morro da Babilônia, no bairro carioca do Leme, o projeto é baseado em conceitos como ciclo dos alimentos e cozinha criativa.
Sediado no Morro da Babilônia, no bairro carioca do Leme, o projeto é baseado em conceitos como ciclo dos alimentos e cozinha criativa. - Divulgação

Regina nasceu em Serraria (PB). Filha de uma família de agricultores, cresceu familiarizada com uma forma tradicional de alimentação. Autodidata, foi ao comer um brócolis na casa em que trabalhava que Regina percebeu que a falta de criatividade faz com que comidas mais saudáveis sejam consumidas de forma insossa. Munida de ideias e paladar, ela passou a inventar as mais mirabolantes receitas, incorporando em sua alquimia culinária uma série de ingredientes geralmente descartados na cozinha tradicional.

Regina Tchelly é uma chef de cozinha e empreendedora social que comanda o premiado projeto Favela Orgânica.
Regina Tchelly é uma chef de cozinha e empreendedora social que comanda o premiado projeto Favela Orgânica. - Divulgação

A essência do Favela Orgânica é a de que qualquer pessoa pode comer bem, gastando muito pouco e ainda sendo ecologicamente e socialmente responsável. Com o tempo, Regina transformou sua investigação solitária num projeto social que já ganhou o mundo. Após aparecer em programas de TV brasileiros, ela foi convidada para mostrar seu trabalho e cozinhar para personalidades em países como França e Itália.

Mãe de duas filhas e grávida de oito meses (durante as filmagens) da terceira, a paraibana acaba de inaugurar uma nova sede para o seu projeto no Morro da Babilônia e segue firme na luta para promover uma transformação social a partir da alimentação e seu ciclo produtivo.

O programa acompanhou Regina no Morro da Babilônia, na sede do projeto Favela Orgânica e em hortas locais, onde ela mostrou como coloca em prática suas instigantes e apetitosas ideias.

Ultimas

O que vem por aí