Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Acima da Média

Quando a nota 10 no banco da escola é um problema no Brasil

Caminhos da Reportagem

No AR em 30/08/2018 - 21:45

Ele se destaca no aprendizado, nas provas, nas lições de casa. Quando o professor questiona a matéria, ele sempre responde primeiro, e certo. A partir daí, vai seguir dois caminhos: ou aprende a ficar quieto porque ouve dos professores que ele já sabe tudo ou é enviado para uma avalição de superdotação e altas habilidades.

Guilherme Bensi, 17 anos: "eu já fui repreendido pela professora quando a corrigi na sala de aula".
Guilherme Bensi, 17 anos: "eu já fui repreendido pela professora quando a corrigi na sala de aula". - Divulgação/TV Brasil

 

Pelo relato de especialistas no Caminhos da Reportagem “Acima da Média”, a grande maioria dos alunos precoces e talentosos, trilham o caminho da indiferença.

A pedagoga especialista em superdotação Flávia dos Santos com alunos de uma sala de recursos em atendimento especializado de Brasília.
A pedagoga especialista em superdotação Flávia dos Santos com alunos de uma sala de recursos em atendimento especializado de Brasília. - Divulgação/TV Brasil
Endy Aritwê Ribeiro Pataxó, 10 anos, recebe reforço par
Endy Aritwê Ribeiro Pataxó, 10 anos, recebe reforço para alunos com altas habilidades no Instituto Lecca / RJ - Divulgação/TV Brasil

Sem desafios, a criança superdotada passa a chamar atenção na escola e em casa por deixar de se interessar pelas matérias.

Desde que Carlos foi avaliado como superdotado, o desafio de Luzia tem sido buscar uma escola que apresente estímulos às altas habilidades do filho
Desde que Carlos foi avaliado como superdotado, o desafio de Luzia tem sido buscar uma escola que apresente estímulos às altas habilidades do filho - Divulgação/TV Brasil

Muitas vezes se deprime, ou passa a ser o aluno bagunceiro da turma.

 

Supertalentosos em uma ou diversas áreas – exatas, humanas, artes – quando não são encaminhados para uma boa escola pública ou particular, acabam com as altas habilidades desperdiçadas e esquecidas pelo sistema de ensino, o mesmo que deveria se o primeiro a abraçá-lo.

 

Nicole Luz, participante do The Voice Kids tem altas habilidades na música.
Nicole Luz, participante do The Voice Kids tem altas habilidades na música. - Divulgação/TV Brasil

 

Ficha técnica

Reportagem - Paula Abritta
Produção - Aline Beckstein, Paula Abritta e Thaís Rosa
Imagens - João Marcos Barboza
Apoio às imagens - Alexandre Nascimento, Eduardo Viné e Gilmar Vaz
Auxílio técnico - Caio Araújo, João Batista Lima e Maurício Aurélio
Apoio TV Brasil/RJ - Alessandra Lago, Amâncio Ronqui, Gilson Machado, Natália Neves e Yuri Freire
Apoio TV Brasil/BSB - Pollyane Marques, Natália Neves, Yuri Freire, Rogerio Verçoza e Dailton Matos
Edição de Imagens e Finalização - Maikon Matuyama, Rodrigo Botosso e Rodger Kenzo
Roteiro e Direção - Bianca Vasconcellos

Ultimas

O que vem por aí