Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

A flor e o espinho

Chamadas

No AR em 02/03/2013 - 21:00

 

Na semana que antecede o Dia Internacional da Mulher, o Segue o Som exibe na madrugada de sábado para domingo um programa especial para as mulheres. Para celebrar a data, Maurício Pacheco visita a casa da madrinha do samba Beth Carvalho. A artista, que é mãe da também cantora Luana Carvalho, opina sobre o papel da mulher no samba, e comenta o hábito de incentivar novos compositores. Beth fala do seu mais recente trabalho "Nosso Samba tá na Rua" e ressalta a importância de cantar os maus tratos ainda sofridos pela população feminina nos dias de hoje.
 
Recuperada de uma fissura próxima à coluna vertebral que a deixou na cadeira de rodas, Beth relembra os momentos mais significativos da história do tradicional bloco de rua Cacique de Ramos, e entoa alguns trechos de "Vou Festejar", uma composição própria.
 
Marisa Monte aparece ao lado das pastoras da Velha Guarda da Portela. Segundo o sambista Monarco, são elas as responsáveis pela vitória de um samba nas quadras. Numa espécie de lamento, Tia Surica, Tia Doca e Tia Eunice entoam ao lado de Marisa Monte os versos do samba "Você me Abandonou", de Alberto Lonato.
 
Uma das revelações da música nacional, Maria Gadú ganha destaque nessa edição. Surgida na cena musical em 2009, a cantora, compositora e violonista alcançou o sucesso de crítica e público no intervalo de apenas um ano e chegou, inclusive, a ser indicada ao Grammy Latino 2010 nas categorias Revelação e Melhor Álbum/Cantor/Compositor. Para homenagear esse talento feminino, o programa exibe "Beleza Pura", nas vozes do baiano Caetano Veloso e da paulista Maria Gadú.
 
A cantora Adele, que teve a vida documentada em biografia, também está presente nessa edição. A inglesa de 24 anos, que estourou após colocar suas canções na internet, aparece em "Someone Like you". Adele, que tinha o hábito de fazer shows particulares para a família, tem nas composições algo melancólico, fruto das decepções amorosas vividas por ela. Ao longo da carreira, a artista já lançou dois discos cujos títulos representam a idade da cantora na época em que foram lançados. São eles, 19 e 21, este último com cerca de 3 milhões de vendas no Reino Unido.
 
Conhecida por fazer da voz um instrumento social, a carioca Leci Brandão pode ter o talento confirmado. Com repertório claramente composto por canções políticas, Leci foi a primeira mulher a integrar a ala dos compositores da Mangueira. Para homenageá-la, o programa exibe "Zé do Caroço".



Criado em 01/03/2013 - 15:55 e atualizado em 01/03/2013 - 16:25

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí