Qué tan lejos

O choque de duas mulheres com a realidade do Equador

Cine Ibermedia - Que tan lejos

O filme Qué tan lejos (Quão longe) é a atração do Cine Ibermedia deste domingo (27), às 23h. Primeiro longa da cineasta Tania Hermida, o filme foi considerado um fenômeno no Equador. Além de ter estreado em 14 salas, ficou seis meses em cartaz e levou cerca de 200 mil pessoas ao cinema. De acordo com Hermida, em muitas salas, o filme obteve mais público que as produções norte-americanas. "Os números mostraram que os equatorianos querem se ver nas telas dos cinemas", disse ela na época.


Filmado em cinco semanas, "Qué Tan Lejos" se caracteriza como um "road movie". Na história, a estudante equatoriana Tristeza e a turista espanhola Esperanza se encontram casualmente em um ônibus que se dirige à cidade de Cuenca. Devido a uma rebelião da população indígena, o transporte rodoviário é interrompido, e elas decidem pegar carona na estrada. Assim, começam uma viagem juntas que as leva a uma jornada de aprendizagem e autodescoberta.


O filme recebeu diversos prêmios, entre eles: Prêmio Coral no Festival de Cinema de Havana; prêmio Zenith de Prata, no Festival Internacional de Montreal; Melhor Filme Iberoamericano, no Festival de Cinema de Quito. No Brasil, participou da seleção oficial da 30ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Inédito. 92 min


Título original: Qué tan lejos. País: Equador, 2006. País Coprodutor: Espanha. Gênero: Drama. Direção: Tania Hermida, com Cecilia Vallejo, Tania Martínez, Pancho Aguirre, Fausto Mi o.


Não recomendado para menores de 18 anos

Horário: 23h

Reapresentação: Sexta, às 23h30