Menu programa

Edifício Master

Documentário de Eduardo Coutinho mostra retrato da vida urbana

Em um emblemático prédio de Copacabana, a uma esquina da praia, moram cerca de quinhentas pessoas. O Edifício Master, que dá nome ao documentário, tem doze andares, vinte e três apartamentos por andar e, ao todo, duzentos e setenta e seis apartamentos conjugados.

O cineasta Eduardo Coutinho e sua equipe alugaram um apartamento no prédio por um mês e, durante sete dias, filmaram a vida de seus moradores. Trinta e sete deles são personagens deste documentário que apresenta um retrato complexo e lúcido da vida urbana no Brasil.

A produção reúne depoimentos de pessoas comuns que revelam à câmera seus dramas, sonhos, sentimentos íntimos e, em muitos casos, a solidão. Os moradores de diversas origens e idades contam sua rica história de vida.

Ao mostrar a rotina da vida privada na cidade grande em que os apartamentos são o último reduto da individualidade, o documentário destaca que apesar de habitarem no mesmo local, os moradores raramente se veem, não se conhecem e muitos nem sabem da existência dos outros. O fato de viverem em um mesmo lugar não garante que o senso de comunidade é formado.

O filme “Edifício Master” conquistou o prêmio de melhor documentário no Festival de Gramado e no Festival de Havana, além de outras premiações nacionais e internacionais. Reprise. 110 min.

O cineasta Eduardo Coutinho revelou a beleza, o mistério e a complexidade humana no documentário

Título original: Edifício Master. País de origem: Brasil. Ano de estreia: 2002. Gênero: documentário. Direção: Eduardo Coutinho.

Classificação Indicativa: 12 anos