Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Universidades em crise enfrentam problemas orçamentários

Diálogo Brasil debate a situação do ensino superior no país

Diálogo Brasil

No AR em 30/04/2018 - 22:15

A crise nas universidades federais brasileiras, que têm enfrentado dificuldades até para pagar funcionários e despesas básicas de manutenção - como água, luz e telefone -, é o tema do Diálogo Brasil. Nem a Universidade de Brasília (UnB), uma das mais tradicionais dessas instituições de ensino superior, escapa dos problemas orçamentários: deve fechar o ano com deficit de R$ 92 milhões, segundo balanço da própria reitoria.

Para debater o tema, o programa Diálogo Brasil convidou a professora Eblin Farage, presidente do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), e o doutor em educação Erasto Fortes, professor aposentado da UnB que já integrou o Conselho Nacional de Educação e presidiu a Câmara de Educação Superior. Erasto avalia que “a crise é fabricada”, observando que as universidades se expandiram e dobraram o número de alunos nos últimos anos, enquanto as verbas encolheram.

Estevão Damázio conversa com Eblin Farage e Erasto Fortes
Estevão Damázio conversa com Eblin Farage e Erasto Fortes - Divulgação/TV Brasil

Segundo o professor, um dos princípios que regem o ensino público no país, listados no Artigo 206 da Constituição Federal, é a gestão democrática; outro, a gratuidade. No mesmo sentido, a presidente do Andes diz que as universidades “não são um balcão de negócios”. A favor de ensino público 100% gratuito, ela ressalta que a autossustentabilidade não é o objetivo dessas instituições, cujo lugar é fora do mercado.

O Diálogo Brasil “Universidades em crise” também exibe depoimentos do presidente da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), Emmanuel Tourinho, e da reitora da Universidade Federal do Amapá (UFAP), Eliane Superti. Apresentado pelo jornalista Estevão Damázio, o programa vai ao ar toda segunda-feira, sempre às 22h15, na TV Brasil .

Ultimas

O que vem por aí