EBC publica editais para a realização do primeiro concurso público

As inscrições estarão abertas entre os dias 15 de julho e 07 de agosto

Foram publicados nesta terça-feira, 5 de julho, os editais do primeiro concurso público da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). Os três editais, para diferentes carreiras, visam o preenchimento de 537 vagas, sendo 281 de nível superior e 256 de nível médio para Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, São Luís e Manaus. Entretanto, a maior parte destas vagas destina-se à substituição de empregados temporários ou comissionados. O concurso será realizado pelo Cesp/UnB.

O primeiro edital traz 391 vagas para contratação e formação de cadastro-reserva em 27 cargos de nível superior para a carreira de analista de empresa de comunicação pública. Para os aspirantes de nível médio, são 20 diferentes cargos da carreira de técnico de operações de empresa de comunicação pública. A remuneração na carreira de analista é de R$ 2.843,00 e na carreira de técnicos é de R$ 1.698,00.

O regime de trabalho na EBC é o da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o que inclui o pagamento de Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), entre outros benefícios. As jornadas de trabalho variam entre 30 e 40 horas semanais, de acordo com a norma legal que rege cada carreira.

As inscrições estarão abertas entre os dias 15 de julho e 07 de agosto. A prova para todos os cargos deverá será aplicada no dia 25 de setembro, nos períodos da manhã e da tarde. A taxa para os cargos de nível superior é de R$ 62,00 e R$ 37,00 para nível médio.

O segundo edital destina-se ao preenchimento de 119 vagas mais cadastro-reserva para a carreira de jornalista de empresa pública de comunicação. Para os jornalistas graduados, serão 82 vagas. Já para as atividades de reportagem cinematográfica (25 vagas) e reportagem fotográfica (6 vagas) não é exigido o diploma de jornalista, mas sim a formação superior em qualquer área. A remuneração para as três faixas é R$ 2.843,00.

O terceiro edital é destinado especificamente ao cargo de Gestor de Atividade Jornalística de Empresa de Comunicação Pública. Esse profissional deve estar apto a desempenhar não apenas as rotinas típicas da carreira de jornalista de empresa de comunicação pública, devendo também atuar como gestor, desempenhando atividades de coordenação executiva, planejamento e avaliação. Os candidatos devem ser graduados em Jornalismo e ter registro no órgão de classe. São 27 vagas para contratação e formação de cadastro-reserva. O salário inicial é de R$ 5.803,00 para a carga horária de 40 horas semanais.

As provas objetivas e práticas serão aplicadas em Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, São Luís e Manaus.

--

Programas