Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Especialista em lavagem de dinheiro é entrevistado de Roseann Kennedy

Procurador José Robalinho Cavalcanti fala sobre combate à corrupção

Especialista em lavagem de dinheiro e professor de Direito Penal, o procurador José Robalinho Cavalcanti avalia que o Ministério Público continuará no “rumo certo” sob o comando da nova procuradora-geral Raquel Dodge. Em entrevista ao Conversa com Roseann Kennedy, o presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República defende ainda a independência do Ministério Público e critica a lentidão dos processos penais no Brasil. O programa vai ao ar na segunda-feira, dia 25, às 21h30, na TV Brasil. 

“Temos certeza que o Ministério Público Federal está em excelentes mãos ou continuará em excelentes mãos. Se o estilo muda de Rodrigo Janot para Raquel Dodge, não significa que os compromissos e a história de respeito e de muita competência no cumprimento das missões constitucionais do Ministério Público tenham mudado em nada. O Ministério Público Federal continuará no rumo certo”, afirma José Robalinho.

No bate-papo com a jornalista Roseann Kennedy, o procurador diz que o “Ministério Público não tem que se deter perante poderes, nem tem que se deslumbrar por estar atacando poderes”.  “É esse o sentido do equilíbrio que tem que ser mantido e vem sendo mantido de maneira acho que quase universal pelas atuações do Ministério Público”, completa Robalinho. 

Em meio às investigações que atingem a esfera política do país, Robalinho acredita que a firmeza das instituições está sendo testada. “Nós aqui temos atribuições. Essas atribuições muitas vezes envolvem e mexem com os poderes. Isso não pode deter o Ministério Público. Daí é muito importante a independência”, afirma o procurador.

Serviço
Conversa com Roseann Kennedy _ segunda, dia 25, às 21h30, na TV Brasil  
 

Ultimas

O que vem por aí