Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

A Sandália de Lampião

Documentário retrata a civilização do couro no Ceará

Etnodoc

No AR em 24/08/2018 - 00:15

Dentro da caixa de ferramentas do seu falecido pai, o Mestre Espedito Seleiro encontrou o molde de uma sandália com sola retangular, usada por Lampião para deixar pegadas que confundiam a polícia. O episódio marcou a trajetória do artesão cearense, que inventou um novo estilo ao reunir de modo original o universo dos vaqueiros e a estética do cangaço.

Mestre Espedito Seleiro conta a trajetória do couro no Ceará a partir de sua atividade artesanal

Nos anos 1930, o pai de Espedito Seleiro fez uma sandália para o Lampião. O modelo se diferenciava dos outros por um detalhe importante: o solado retangular, usado pelo Capitão Virgulino para confundir os rastejadores que, diante daquelas estranhas pegadas, não sabiam se o cangaceiro ia ou voltava.

Detalhe do couroMuito tempo depois, além da história que ouviu de seu pai, Espedito Seleiro mantém vivo também o ofício de família. Ao modelar selas, calçados, acessórios e roupas de couro, o mestre cearense se firmou como um dos mais importantes e reconhecidos artesãos em atividade no Brasil.

O documentário "A Sandália de Lampião" entrelaça a trajetória pessoal do Mestre Espedito Seleiro à própria história do couro na região do Cariri, no Ceará. Do auge da pecuária, que converteu o sertão num grande pasto natural, até o surto industrial iniciado nos anos 1960, que fez os vaqueiros desmontarem do cavalo para andar de moto, o filme retrata um período de profundas transformações na vida dos sertanejos.

Atualmente, Juazeiro do Norte é um dos maiores pólos calçadistas do país. Aos poucos, o couro vai sumindo das linhas de montagem, dando lugar ao plástico e outros materiais sintéticos. O artesanato aperta o passo para acompanhar as mudanças. E enquanto ganha escala, a produção perde os requintes do trabalho manual.

Respondendo aos desafios de seu tempo de uma maneira bastante original, o Mestre Espedito Seleiro nos guia por um enredo conhecido: o eterno embate entre modernidade e tradição. A sandália de couro que Lampião usava para despistar seus perseguidores confunde os caminhos. A ida e a volta fazem parte do mesmo movimento. Que rumo devemos tomar? Como nos ensina o Mestre Espedito Seleiro, nessa falsa encruzilhada entre o passado e o futuro, muitas vezes, voltar-se às próprias raízes também é uma forma de seguir adiante.

O artesão cearense Espedito Seleiro mostra suas técnicasDirigido pela documentarista Adriana Yañes, o documentário "A Sandália de Lampião" é codirigido pelo escritor Antonio Lino e pela designer Paula Dib.

Ano: 2012. Gênero: documentário. Direção: Adriana Yañez. Codireção: Antonio Lino e Paula Dib.

Classificação Indicativa: Livre.

Criado em 11/11/2014 - 14:35 e atualizado em 01/07/2015 - 15:45

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí