Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Pesquisa traça o perfil de quem consome pornografia no Brasil

Diretor-geral da Playboy do Brasil, Maurício Paletta dá detalhes ao Mídia em Foco de uma pesquisa contratada pela publicação para traçar o perfil de quem consome pornografia no país. 

"Foi surpreendente e até legal, porque foi uma forma de pesquisa inusitada, onde a gente deixou formulários em motéis para quem quisesse participar", explica o executivo, acrescentando que a pesquisa foi realizada também com atores e atrizes pornográficos, prostitutas e consumidores de conteúdo adulto.

A pesquisa chegou à elaboração de cinco grupos característicos dos consumidores de pornografia, os quais:

1) "Pornograficamente correto": pessoas que usam a pornografia para apimentar suas relações;
2) "Narciso das telas": é o "heavy user", quem realmente gosta, entende e conhece até nome de atores, atrizes e diretores de filmes pornográficos;
3) "Fast porn": consumidor imediato, quer o conteúdo à mão a qualquer momento, recebe o material no Whatsapp e se diverte com aquilo;
4) "Status porn": é o entendido, mas no sentido mais exibicionista. Gosta de ter o conhecimento do filme para conversar com amigos e descontrair;
5) "Eventual": não procura material pornográfico, mas usufrui eventualmente caso receba. Não chega a ter compromisso com a pornografia, mas não a odeia.

Assista ao Mídia em Foco completo sobre erotismo no audiovisual, clique aqui

Criado em 17/12/2018 - 12:10 Por Davi de Castro/TV Brasil

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí