Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Bom dia, em que posso ser útil?

O média-metragem português aborda o cotidiano de uma central de

Nossa Língua

No AR em 20/12/2016 - 01:00

O documentário “Bom dia, em que posso ser útil?” nos leva ao mundo dos call centers portugueses, onde já trabalham cerca de 50 mil pessoas, mas que é quase desconhecido de quem está “do lado de cá da linha”.

Um atendente de “call center” pode passar 8 horas por dia fechado num cubículo a olhar para um computador, sem nenhum outro contato com o mundo “cá de fora” senão seu microfone e seus fones nos ouvidos. Diariamente a dar informações, orientações, atender chamados, vender produtos ou serviços, para pessoas educadas, malcriadas, implicantes, irritadas ou impacientes. Sem rosto, temos apenas uma voz que nos atende. Mas quem são esses que estão diariamente no outro lado da nossa linha? É isto que o documentário nos revela através da Ana, Maria do Carmo, Jaime e João. Quatro diferentes pessoas com seus sonhos e seus projetos de vida.


 

 




Direção: Margarida Metello
Produção: Ana Lucas - RTP

 

Ultimas

O que vem por aí