Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Série O Brasil de Darcy Ribeiro vence o Prêmios TAL 2015

Coprodução da TV Brasil foi agraciada na categoria Melhor Série

Darcy Ribeiro de volta do exílioA série O Brasil de Darcy Ribeiro, coprodução entre a TV Brasil e a Kino TV sagrou-se vencedora na noite de ontem (30), em Montevidéu, no Uruguai, do Prêmios TAL 2015, na categoria Melhor Série Documental. A premiação aconteceu durante um programa de TV ao vivo, que foi transmitido para toda América Latina. A premiação visa a promover e a reconhecer a produção de conteúdo de qualidade nas emissoras de interesse público do continente latino-americano. As obras selecionadas concorreram em dez diferentes categorias.

Além de O Brasil de Darcy Ribeiro, a TV Brasil concorreu com outros seis programas: Os militares pela democracia (Melhor Documentário Unitário), Descalço Sobre a Terra Vermelha (Melhor Série de Ficção), Igarapé Mágico (Melhor produção Infantil), Programa Especial (Melhor produção de Relevância Social) e Caminhos da Reportagem, com os episódios A pele negra e Transexual, a busca pela identidade, (Melhor programa Jornalístico). O Brasil 4D, projeto criado e desenvolvido pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC) com o objetivo de oferecer informações e serviços à população, por meio da televisão aberta, digital e interativa, também foi selecionado e concorreu ao prêmio de Grande Destaque.

O Brasil de Darcy Ribeiro estreou na TV Brasil às 20h do dia 2 de abril de 2014. Com cinco episódios de 52 minutos cada, a série, dirigida pela cineasta Ana Maria Magalhães, apresentou as diversas facetas do antropólogo, educador, escritor e político que se tornou personalidade histórica brasileira. Também mostrou como o menino destinado a ser um fazendeiro, em Minas Gerais, acabou se tornando um dos principais atores da construção da identidade nacional, com suas múltiplas atuações. A atração aborda também o seu período de exílio na América Latina.

À época da estreia da série, a diretora Ana Maria Magalhães comentou que Darcy Ribeiro foi um intérprete do Brasil, que se dedicou a entendê-lo e a transformar o seu projeto de nação em realidade. “A pesquisa que empreendi para a realização da série me ajudou a elucidar e transmitir a admiração que a minha geração sempre teve por ele, sua produção intelectual, pensamento, vida e ações, tudo junto e misturado à criatividade e à liberdade com que se movimentava. Durante as gravações, a equipe vibrou com os depoimentos de amigos e colaboradores, e na edição, com as falas dele sobre si mesmo e sua trajetória. Realizar a série sobre Darcy Ribeiro, o Brasil em que viveu e o que sonhou, foi emocionante e instrutivo para todos os que participaram dessa jornada”, comentou ela.

Sobre Darcy Ribeiro
Darcy Ribeiro foi ministro da Educação do Governo do presidente Jãnio Quadros (1961) e chefe da Casa Civil do Governo do presidente João Goulart. Durante a ditadura militar teve seus direitos políticos cassados e foi obrigado a se exilar por alguns anos no Uruguai. Foi responsável pela criação e pelo projeto cultural do Memorial da América Latina, centro cultural, político e de lazer, inaugurado em 18 de março de 1989, no bairro da Barra Funda, em São Paulo. Foi relator do projeto de lei que deu origem a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira (LDB - lei 9394/96). O antropólogo exerceu o mandato de senador pelo Rio de Janeiro de 1991 até sua morte em 1997, anunciada por um lento processo canceroso que comoveu o Brasil. Darcy Ribeiro, sempre polêmico e ardoroso defensor de suas ideias, teve o reconhecimento e admiração até dos adversários.

Saiba quem são os vencedores do Prêmios TAL 2015.
 

Ultimas

O que vem por aí