Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

TV Brasil promove mudanças na grade

A partir de 5 de outubro, jornalismo ganha mais espaço na grade e

Outubro começa com novidades na TV Brasil. A partir da segunda-feira (5), o jornalismo ganha mais espaço na grade de programação da emissora: os telejornais regionais (RJ, SP, MA e DF) passam a ter meia hora de duração, abrindo mais tempo para o noticiário local, e entram no ar, a partir das 17h, boletins de notícias com links direto da redação. Além disso, o telespectador ganhará a revista eletrônica Fique Ligado, que vai mesclar jornalismo e variedades, de forma dinâmica, ao vivo, de segunda a sexta, às 20h.

Sem Censura no ar às 17hO Sem Censura, programa em que Leda Nagle recebe atores, cantores, grupos musicais, nutricionistas, astrólogos e especialistas para bate-papo sobre qualidade de vida, informação cultural e prestação de serviços passará para as 17h. A TV Brasil também vai ganhar uma faixa de dramaturgia às 20h30, que será inaugurada com a volta de Windeck, a primeira novela angolana exibida no Brasil. A trama, que vai anteceder o Repórter Brasil, obteve grande repercussão nas redes sociais e também recebeu muitos pedidos para que fosse exibida mais cedo, via Ouvidoria.
 

Os programas de reflexão da emissora, Brasilianas.org, sob o comando de Luis Nassif, e Observatório da Imprensa, apresentado por Alberto Dines, que até então eram exibidos às 20h, passam a ocupar a faixa das 23h. O Observatório também muda de dia da semana e passa a ser veiculado, ao vivo, às quintas-feiras. A estes se junta, às terças-feiras, o Espaço Público, sob a batuta de Paulo Moreira Leite e Florestan Fernandes Júnior. O Ver TV, que tem Lalo Leal trazendo múltiplos olhares sobre conteúdos apresentados na televisão e em outras mídias, passará a ser exibido aos domingos, às 23h.

Na segunda, 5, às 22h, também entra no ar a nova temporada do Samba na Gamboa, em que Diogo Nogueira recebe jovens talentos e nomes consagrados do samba brasileiro. Na sexta, também às 22h, estreia a série República do Peru, que usa humor para falar dos dilemas da terceira idade. Em seguida, às 22h30, é a vez de Vou Rifar Meu Coração, série que explora o universo da música popular romântica. O Arte do Artista, o Revista do Cinema Brasileiro e o Nação e passam a ser exibidos terça, quarta e quinta, respectivamente, todos à meia-noite.

Mais tempo para a Hora da Criança

Vem aí Bita e os AnimaisAs crianças também estão em alta na emissora. A Hora da Criança, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, ganhará mais tempo no ar: pela manhã, das 8h ao meio-dia, e à tarde, das 13h às 17h. E com as estreias de Bita e os Animais, Daniel Tigre e X-Coração. Outra boa notícia é que também será exibida aos sábados, das 8h15 às 12h30. Trata-se de programação pautada em valores humanos e afirmativos, com desenhos animados que não expõem a criança a conteúdos apelativos ou violentos. Com isso, a TV Brasil dedicará cerca de 41 horas semanais da grade ao público infantil. Ainda no sábado, o Programa Especial muda das 10h30 para as 12h30 e à meia-noite estreia a série de documentários inédita na TV aberta Brasil Visual, que aborda o universo das artes visuais no país.

As manhãs de domingo começam com programas dedicados à diversidade religiosa. Às 11h, passa a ser exibido o Partituras, programa dedicado à música de concerto, seguido do Cozinha Amazônia, às 12h, do Papo de Mãe, que muda das 15h30 para as 12h30, e do ABZ do Ziraldo, que era ao meio-dia e passa a ser exibido às 13h30.  Às 15h, estreia Brasileiros Mundo Afora, programa que vai mostrar a realidade de brasileiros que vivem no exterior. Em seguida, a grade é dedicada ao futebol, com rodada dupla: Brasileirão Série D, às 16h30, e Brasileirão Série C, às 18h30.

Mais esporte na tela da tevê
Em 2016, a TV Brasil dedicará mais tempo de sua programação ao esporte. À Série C, que a emissora já exibe há três anos, se juntarão jogos das séries B e D, mais o Brasileirão Feminino, cujas partidas das fases finais deste ano já estão no ar. A emissora também transmitirá competições dos jogos Paralímpicos Rio 2016. Para começar a aquecer, estreia na quinta (8), às 19h, a série Memória do Esporte Olímpico.

A tevê de cara nova
A TV Brasil também vai modernizar o seu visual com cores mais vivas, tornando-o mais jovem, alegre e atual. O objetivo é aproximá-la mais do seu público. Esse mesmo conceito será aplicado ao site da emissora (www.tvbrasil.ebc.com.br), tornando-o mais atraente. Essas ações decorrem dos resultados de pesquisa qualitativa sobre a percepção da TV, realizada em capitais de oito estados do país, mais o Distrito Federal, com público de variadas faixas etárias, que conhece ou não, assiste ou não a programação da emissora.

Veja abaixo o que muda de horário na programação:

Criado em 30/09/2015 - 17:26 e atualizado em 01/10/2015 - 17:51

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí

50 anos depois, a lua ainda fascina

Caminhos da Reportagem | terça, 22h30

O grande salto: 50 anos do homem na lua