Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

África: em busca de alternativas

Conheça projetos de países africanos para melhorar a vida da população

Nova África

No AR em 12/05/2017 - 09:30

Em Botswana, a taxa de adultos infectados pelo vírus HIV é de 24%, uma das maiores do mundo. No entanto, graças ao trabalho da sociedade civil e do governo, projetos pilotos conquistaram resultados surpreendentes.

No Nova África, conheça uma das ações bem-sucedidas de Botswana: a distribuição gratuita de remédios antirretrovirais, contribuindo para a queda da taxa de transmissão da doença de mãe para filho de 40% para 4%. Quem conta sobre o projeto é a ex-ministra da saúde Sheila Tlou.

Já na África do Sul, revoluções tecnológicas renderam dois prêmios Nobel ao continente. Em 1937, Max Theiler desenvolveu a vacina contra a febre amarela. Seu trabalho foi fundamental para acabar com uma das doenças mais letais do século XX.

E o também sul-africano Allan Cormack é o pai do raio-x de tomografia computadorizada. Sua invenção é uma das mais importantes no ramo de diagnósticos. Allan estudou no Hospital Groote Schuur, em Cape Town, um dos maiores e mais modernos do mundo. Quem fala sobre o assunto é um de seus pesquisadores, que comenta também sobre o africano Christiaan Barnard, responsável pelo primeiro transplante de coração da historia.
 





Ultimas

O que vem por aí