Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Turismo na África mistura o sofisticado e o selvagem

Continente tem criado cada vez mais atrativos para turistas de todo o

Nova África

No AR em 20/05/2017 - 09:30

A África, continente sofisticado e selvagem, tem destinos turísticos para todos os gostos. O Nova África mostra as riquezas naturais dessas terras que, apesar de dificuldades econômicas e políticas, desponta como um interessante roteiro de viagem. Os apresentadores Márcio Werneck e Dina Adão mostram algumas das atrações.

A viagem começa na Tanzânia, onde está um dos maiores e mais famosos parques nacionais do planeta, o Serengeti. Com área equivalente a 14% de todo o território do país, o Serengeti abriga os maiores mamíferos terrestres do planeta.

Lá, é possível realizar safáris onde, em vez de armas, apenas máquinas fotográficas são permitidas. Também se pode conhecer o povo Massai, que há 200 anos vive na região. O líder tribal Sokoine Moir Pojus explica o modo como a cultura Massai interage com a natureza.

O programa mostra também a cratera de Ngorongoro, formada pela explosão de um vulcão há milhões de anos. O local é considerado uma verdadeira arca de Noé pelos especialistas, devido ao impressionante ecossistema existente ali.

Na África do Sul, país que tem se esforçado para explorar o potencial turístico, investe-se cada vez mais em um produto degustado em todos os continentes: o vinho. O produtor Jacques Borman explica como a bebida atrai turistas e leva riqueza para a região. O enólogo Louis Koch mostra as etapas de produção, incluindo uma degustação.

Já na Costa do Marfim, o Nova África mostra como o país luta para fortalecer seu potencial turístico. No balneário de Assenie, o proprietário de um resort explica as mudanças positivas no turismo. Em entrevista especial, o ministro do turismo, Aké Atchimon Charles acrescenta que o país pretende aumentar o turismo internacional e, com isso, melhorar as condições de vida da população.

Conheça também a catedral católica Nossa Senhora da Paz, considerada a maior igreja do mundo. O monumento é um marco da tolerância religiosa em um país habitado por pessoas de diferentes crenças. 

 




Ultimas

O que vem por aí