Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Grupo dissidente das Farc ameaça matar dois reféns equatorianos

Grupo assassinou dois jornalistas e o motorista deles semana passada

Repórter Brasil

No AR em 17/04/2018 - 20:00

O governo do Equador confirmou que duas pessoas foram sequestradas na fronteira do país com a Colômbia. O responsável foi o grupo dissidente das Farc, que matou dois jornalistas e o motorista deles na semana passada. O ministro do interior equatoriano, César Navas, exibiu um vídeo enviado pelos sequestradores. Nele um homem e uma mulher aparecem acorrentados e pedem ao presidente Lenín Moreno que atenda a reivindicação para que eles não tenham o mesmo fim que os jornalistas. Os dissidentes querem a soltura de integrantes do grupo capturados pelo governo. Nesta segunda, Moreno deu um prazo de dez dias para que o líder dos rebeldes, Walter Artízala se entregue às autoridades. Ou, segundo ele, acabará morto.

Criado em 18/04/2018 - 10:05 Por TV Brasil

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí