Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Impeachment de Marcelo Crivella começa a ser discutido na Câmara do RJ

Crivella teria prometido benefícios a líderes evangélicos e a fiéis.

Repórter Brasil

No AR em 12/07/2018 - 09:30

A Câmara dos Vereadores começa a discussão sobre o pedido de impeachment do prefeito Marcelo Crivella. Os pedidos foram motivados por uma reunião fora da agenda oficial da prefeitura, na qual Crivella teria prometido benefícios, como facilidade para marcar cirurgias de catarata e soluções para dívidas de IPTU a líderes evangélicos e a fiéis.

A Procuradoria da Câmara vai emitir um parecer definindo as regras do processo, já que ainda há dúvidas sobre como ele vai ser encaminhado. Não se sabe, por exemplo, quando o prefeito poderá ser afastado, caso o impeachment seja aprovado. Outra dúvida é a quantidade de votos necessários para aprovar o pedido: se apenas a maioria simples ou ao menos dois terços dos parlamentares.

Enquanto isso, o Ministério Público investiga o prefeito por improbidade administrativa, em relação a outros casos. As investigações iniciadas no ano passado, apontam que Crivella vem usando a máquina pública para atender interesses de integrantes de igrejas evangélicas. Se essas situações se repetirem, o Ministério Público pede que Crivella seja afastado do cargo e que, em caso de condenação, o prefeito seja obrigado a pagar uma multa de 500 mil reais, além de ter os direitos políticos suspensos. 

Deseja fazer algum tipo de manifestação?

Favor copiar o link do conteúdo ao apresentar sua sugestão, elogio, denúncia, reclamação ou solicitação.

Criado em 12/07/2018 - 15:10 Por TV Brasil

Ultimas

O que vem por aí