Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Vereador Siciliano depõe sobre morte de Marielle

A acusação é de que a morte se deve a disputa de terras

Repórter Brasil

No AR em 14/12/2018 - 20:00

Investigado no inquérito que apura os homicídios da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes, ocorrido em abril, o vereador do Rio de Janeiro Marcello Siciliano (PHS) depôs hoje por mais de cinco horas na Delegacia de Proteção ao meio Ambiente. Ele informou que entregou seu telefone celular à Polícia Civil.

Na manhã de hoje (14), o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) e a Polícia Civil cumpriram mandados de busca e apreensão na casa e no gabinete do vereador. Em seguida, Siciliano se apresentou na Cidade da Polícia. "Vim espontaneamente, desbloqueei meu telefone e entreguei", disse ao deixar o local. Questionado por um repórter se resistiu a entregar o aparelho, ele negou. "Eu mais do que ninguém quero a verdade". Procurados pela reportagem, o MPRJ e a Polícia Civil ainda não confirmaram a entrega do celular.

Tags:  Marielle Franco

Criado em 14/12/2018 - 21:35

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí