Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Após 5 anos, Aldeia Maracanã não se tornou centro de cultura indígena

Processo de remoção de famílias do local foi marcado por resistência

Durante as reformas para a Copa do Mundo de 2014, o governo estadual do Rio ordenou que um grupo de indígenas desocupasse um terreno que fica ao lado do estádio Maracanã.

O processo de remoção foi marcado por resistência e confrontos com a polícia, e cinco anos depois, o local ainda não foi transformado em centro de valorização da cultura indígena.

Veja detalhes no Repórter Rio.

Criado em 18/04/2018 - 21:30

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí