Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Miritong

Associação desenvolve atividades ligadas ao artesanato no Pará

Sábados Azuis

No AR em 31/03/2017 - 03:30

Sábados Azuis - Miritong"Brasil artesanal" é a temática deste episódio da série Sábados Azuis: Histórias de um Brasil que dá certo, que mostra o trabalho da Miritong - Associação Arte Miriti de Abaetetuba, no Pará.

Criada por um artesão da região, a associação desenvolve atividades de incentivo à prática de artesanato, envolvendo principalmente os jovens e adolescentes, contribuindo para a permanência dos mesmos na escola e gerando renda para várias famílias.

Em 2002, o artesão Valdeli da Costa Alves estava desempregado e recebeu a visita de Adilson Rocha, do Sebrae, que o procurava para fazer uma pintura de parede. Ao entrar na casa, ele descobriu os brinquedos feitos da madeira de miriti, confeccionados artesanalmente por Valdeli. Encantado com o trabalho, o funcionário o estimulou a ministrar oficinas de artesanato no Sebrae.

Assim Valdeci tornou-se um artesão profissional e nunca mais deixou de trabalhar com o miriti, palmeira típica da região, conhecida como o isopor da Amazônia. Na sequência, fundou a Associação de Abaetetuba.

Sábados Azuis - Miritong

O programa, além de mostrar a trajetória de superação do artesão, que soube aproveitar um artesanato típico de sua região para gerar renda, emprego e preservar a cultura local, mostra outros personagens importantes desse trabalho. Como Leandro Lima e Souza, de 20 anos, um dos meninos que Valdeli tirou das ruas e levou para a Associação, onde, até hoje, é um participante ativo. E a família de Augusto Costa, o Seu Gugu, que colhe, trata e fabrica os brinquedos feitos da palmeira.

A Miritong, além de organizar parte da produção da cidade, ministra oficinas nas ilhas vizinhas, discute e propõe o replantio sustentável do Miriti, e sua arte já é conhecida no Brasil e no exterior.





Criado em 09/07/2012 - 12:18 e atualizado em 24/03/2017 - 16:20

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí