Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Goiânia Rock City

Capital sertaneja do país revela também forte cena de rock alternativo

Segue o Som

No AR em 11/11/2017 - 14:00

O Segue o Som desembarca em Goiânia, coração do país que se firma cada vez mais como uma potência econômica e como celeiro do efervescente nascimento de dezenas de duplas sertanejas. O apresentador Maurício Pacheco nos revela que, apesar do predomínio da cultura sertaneja, a capital goiana vem surpreendendo a cena musical brasileira como um arrojado palco de novas bandas de rock alternativo. 

O episódio apresenta a banda de rock psicodélico e de neopsicodelia Boogarins, formada por Fernando "Dinho" Almeida, Benke Ferraz, Hans Castro e Raphael Vaz. Eles contam um pouco da carreira, que começou em 2012. 

Do encontro com os Boogarins, Maurício parte para um papo intimista com Salma Jô e Macloys Aquino, a dupla de namorados que criou o Carne Doce. Em 2013, ainda como dupla, Carne Doce surpreendeu pela força confessional do EP "Dos Namorados", composto e lançado a quatro mãos pelo casal e, desde então, segue trajetória sólida com outros dois álbuns lançados e uma proposta musical sofisticada. 

O programa conversa ainda com os Hellbenders, quarteto surgido da cena underground de Goiânia, que mistura elementos diversos do punk, stoner e hard rock setentista para criar uma identidade sonora própria. Como resultado tem-se um som marcado por extremos: grooves rápidos e explosivos e riffs quebrados e melódicos.

Maurício Pacheco e a banda Hellbenders
Maurício Pacheco e a banda Hellbenders - Divulgação

Criado em 08/11/2017 - 12:30

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí