Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Segue o Som visita o Festival Roskilde, na Dinamarca

O evento musical é um dos maiores do mundo e doa toda sua renda

Segue o Som

No AR em 03/02/2018 - 14:00

O Segue o Som desembarca na Dinamarca para uma visita ao Roskilde Festival, um dos maiores eventos de música do planeta. O festival existe desde 1971 e, ao longo da sua trajetória, já recebeu nomes como The Clash, Nirvana, U2, The Smiths, Radiohead, David Bowie, Kraftwerk, REM e The Rolling Stones. 

Maurício Pacheco e o músico congolense Jupiter Bokondji

Maurício Pacheco e o músico congolense Jupiter Bokondji - Divulgação

Ano após ano, a marca continua se firmando como garantia de line-ups com alguns dos maiores artistas locais e mundiais. Além da boa música, o evento chama atenção pelas atividades artísticas paralelas e pela consciência social. Criado por dois estudantes e um promotor de eventos, a atração passou a ser organizada a partir de 1973 por uma fundação sem fins lucrativos que tem por objetivo apoiar iniciativas que beneficiem crianças e jovens. Desde sua criação, o festival gerou mais de 26 milhões de euros e todo esse dinheiro foi doado para projetos humanitários e culturais. 

O apresentador Maurício Pacheco conversa nesta edição com Peter Hvalkof, um dos responsáveis pela escolha e contratação das atrações de cada edição, e conhece mais sobre a história do festival, que ainda conserva o espírito hippie “paz e amor” com que foi concebido. “A maioria das pessoas que trabalha no festival é formada por voluntários. Acho que esse espírito do voluntariado é algo bem escandinavo, poucas pessoas de outros países acreditam que tudo isso foi criado graças a trabalho voluntário. A gente mantém o espírito hippie que foi a gênese do festival”, diz Hvalkof. 

Maurício Pacheco conversa com os brasileiros do Metá Metá
Maurício Pacheco conversa com os brasileiros do Metá Metá - Divulgação

No evento, Maurício assista a apresentações de artistas do mundo inteiro e conversa com os brasileiros do Metá Metá e do duo Tropkillaz. Thiago França, um dos membros do Metá Metá, comenta a participação no Festival: “Pra gente é um negócio muito forte. Estar lá em São Paulo fazendo um monte de coisa e alguém da Dinamarca te convidar pra vir aqui. A gente está chegando pela porta da frente, sendo bem recebido”. 

Maurício também conversa com a cantora argentina Mariana Yegros, com os roqueiros americanos do Corrosion of Conformity, com os dinamarqueses da banda de synth pop Lust for Youth, com o rapper sueco Timbuktu, o congolense Jupiter Bokondji e muito mais.
 

Maurício Pacheco no Festival Roskilde, na Dinamarca
Maurício Pacheco no Festival Roskilde, na Dinamarca - Divulgação

Criado em 31/01/2018 - 11:45

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí