Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Som na Rural com Orchestra Santa Massa

Uma mistura de drum´n´bass e baião, maracatu e dub, rabeca e

Som na Rural

No AR em 25/01/2017 - 07:30

A Rural que conduz a moçada do Santa MassaNo Som na Rural, o apresentador Roger de Renor conduz o veículo sonoro em direção ao Pátio de São Pedro, localizado no centro do Recife, para mostrar o som da banda pernambucana Orchestra Santa Massa.

Propondo um diálogo dançante e originalíssimo entre gêneros tradicionais nordestinos e timbres eletrônicos, a Orchestra Santa Massa surgiu no final da década de 1990 e ganhou fama ao integrar de forma visceral influências que a principio poderiam soar como contraditórias: drum´n´bass e baião, maracatu e dub, rabeca e sintetizadores.  

Espaço de encontro entre músicos nordestinos com formações distintas, na Orchestra Santa Massa há lugar para cultura de raiz do mestre de cerimônias e rabequeiro Maciel Salu, para a incrível voz de Isaar, para as inflûencias do mundo pop do guitarrista Fábio Trummer, para o virtuosismo do ritmista Jam da Silva e para programações eletrônicas criadas por D.J. Dolores, a partir das mais diversas fontes sonoras.

Lançado em 2002, Contraditório?, álbum de estréia da Santa Massa, impulsionou ainda mais a carreira do grupo no Brasil e, especialmente, no exterior. Faixas do CD se transformaram em hit de pistas de dança lá fora. Em 2003, o grupo chegou a realizar 52 shows entre o continente europeu e os Estados Unidos.

Contraditório? também foi premiado em 2004 pela rádio BBC de Londres, na categoria club global, destinada à eletrônica, e arrancou elogios de  figuras como David Byrne, o ex-músico dos Talking Heads. Para Byrne,a Santa Massa é um dos poucos trabalhos onde a combinação entre computador e músicos ao vivo realmente funciona!

Para o Som na Rural, os integrantes da Orchestra escolheram um repertório composto pelas músicas: Santa Massa Chegou, Azougue, Catimbó, Adorela, Samba de Dez Linhas, Nordestina, Dança da Moda e Cumbia (Sanidade).

O programa ainda traz duas matérias especialíssimas. A primeira sobre a forte influência dos toques de candomblé na música brasileira contemporânea. A outra apresenta para os telespectadores o Memorial Luiz Gonzaga, espaço criado no Recife em homenagem ao Rei do Baião.
 




CENTRO DE CULTURA LUIZ FREIRE / TV VIVA - PRODUTOR EDUARDO HOMEM E NILTON PEREIRA - DIRETOR

Ultimas

O que vem por aí