Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Ver TV discute a “Lei da TV Paga”

Lei é responsável por boom de trabalho nas produtoras independentes e

Ver TV

No AR em 19/07/2013 - 23:00
A TV paga está presente em quase 17 milhões de domicílios brasileiros, segundo dados recentes da Anatel. A expectativa é que em 2017 sejam 35 milhões de assinantes. É um mercado que não para de crescer. A contribuição decisiva para a ampliação desse mercado veio da Lei 12.485/2011, conhecida como Lei da TV Paga.

A lei  foi criada em 2011, mas as obrigações de programação com conteúdo  nacional começaram em setembro de 2012 e acontecem de maneira progressiva, atingindo a totalidade em setembro deste ano. Busca-se aumentar a quantidade e a qualidade da produção nacional.

Dessa forma, canais que exibem predominantemente filmes, séries, animação e documentários passam a ter obrigação de dedicar 3,5h semanais de seu horário nobre à veiculação de conteúdos brasileiros.

Além de definir cotas de conteúdo nacional para esses canais, a lei abre mercado, possibilitando que empresas de telecomunicações nacionais e estrangeiras passem a comercializar os pacotes de programas.

Para discutir as dificuldades, desafios e oportunidades geradas pela Lei da TV Paga, o Ver TV convida o diretor de programação da NET, Fernando Magalhães, o produtor executivo da Grifa Filmes (especializada em documentários com temática nacional), Fernando Dias, e o professor do curso de pós-graduação “Gestão Executiva de Televisão”, da Fundação Armando Álvares Penteado, José Maurício Fittipaldi.



 

Produção: Aline Penna e Patrícia Lima

Roteirista: Lumi Khara

Direção: Pola Galé

Apresentação: Lalo Leal

 

Ultimas

O que vem por aí