Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Amir Haddad defende a importância do teatro de rua

Teatrólogo destaca a chamada “Arte Pública” realizada nas praças e

Arte do Artista

No AR em 02/02/2013 - 22:00

Amir Haddad é categórico ao defender a prática do teatro de ruaAmir Haddad, um dos maiores nomes do teatro brasileiro e defensor incansável do teatro de rua, é o grande convidado do Arte do Artista desta semana. Envolvido, desde os anos 1970, com projetos estética e politicamente revolucionários, ele vai ao programa investido de sua maior honraria conquistada: o cargo de presidente da República Federativa do Brasil.

É isto mesmo! Em mais um grande furo, tanto jornalístico quanto espaço-temporal, o programa conseguiu obter mais uma gravação da TV do futuro, como já tinha acontecido, anteriormente, com Domingos Oliveira. Assim, em uma entrevista exclusiva concedida, em 2024, para uma franquia alemã do Arte do Artista - a essa altura o programa de maior audiência na TV europeia - Amir, já empossado como legítimo presidente brasileiro, fala sobre seus projetos para o País.

De volta a 2012, a defesa do teatro feito nas praças e logradouros, que ele costuma chamar de uma "Arte Pública", continua sendo feita de forma contundente pelo fundador do grupo Tá na Rua e, ao que tudo indica, futuro presidente do Brasil. "O teatro de rua tem a idade do teatro. Você sente toda a história do teatro passando pelo seu corpo quando está numa apresentação de teatro de rua", afirma Amir.

No Arte do Artista, quem está "na rua" não poderia jamais "ser tratado como mendigo ou marginal", fato corriqueiro que Amir Haddad denuncia nessa entrevista histórica e futurista. Mas, neste programa, eles são e serão tratados sempre como reis. Ou, pelo menos, como presidentes!




Coordenação Web: Daniel Roviriego
Produção e Criação Web: Carolina Spork e Júlia da Matta
 

Criado em 13/11/2012 - 16:59 e atualizado em 28/09/2016 - 19:54

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí