Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Japão e Costa Rica

Imigrantes dos dois países apresentam o estilo de vida dos

BR14 A Rota dos Imigrantes

No AR em 15/04/2017 - 19:00

No primeiro episódio de BR 14 - A Rota dos Imigrantes, você vai conhecer o estilo de vida de dois imigrantes: um do Japão e outro da Costa Rica.

Rodrigo, filha de uma japonesa com um brasileiro, é fascinado pela cultura do país em que nasceu sua mãeNo primeiro bloco do programa você vai conhecer a história de Rodrigo, paulistano, filho de uma japonesa com um brasileiro. Ele é o único dos filhos que fala a língua de sua mãe. Curioso e fascinado pela cultura japonesa, Rodrigo topou viajar para Tomé-Açu, no Pará, para conhecer uma pequena comunidade japonesa no meio da floresta, que ainda mantém uma série de tradições desde a época em que os primeiros imigrantes pisaram na região, na década de 1920. Rodrigo vista a única escola do local e dá uma aula de mangá, conhece um instrutor de sumô e o time de beisebol.

A costariquenha Sara se apaixonou pelo Brasil por meio dos livros de Jorge Amado e vive em NatalNo segundo bloco, entra em cena a costariquenha Sara Devandas Garro, de 38 anos. Ela é assistente social e mora há três anos em Natal, no Rio Grande do Norte. É apaixonada pela Bahia e pelo livros de Jorge Amado. Não foi à toa que casou com um baiano e jura que Costa Rica e Salvador tem muito em comum. Sara é dançarina de danças tradicionais e sente muita falta de mais contato com a cultura de seu país no dia a dia. Para estar mais perto do lado cultural dos seus compatriotas, Sara viajou para Salvador com o objetivo de conhecer alguns costarriquenhos e entender como fazem para manter a ligação com a cultura da Costa Rica.




Direção: Rafael Calil e Miguel Varca
Produção: Duo2 Multimídia

Criado em 27/05/2014 - 13:29 e atualizado em 10/04/2017 - 18:29

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí