Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Ídolo do Flamengo seria Tuzico, mas a prima evitou

Zico reconhece que carreira dos irmãos o ajudou na profissão

No Mundo da Bola

No AR em 02/02/2020 - 21:00

Em mais um episódio da entrevista ao repórter Sergio du Bocage, Zico lembra de como ganhou o apelido na família. Menor dos irmãos, logo virou Arthurzinho, depois Arthurzico, Tuzico - "porque já tinha o Tunico", revela ele - , até chegar em Zico, por iniciativa da prima Ermelinda. Ela era afilhada de "seu" Antunes e sugeriu a redução do apelido, por achar mais bonito. Zico fala dos irmãos que jogaram bola e fizeram sucesso antes dele, casos de Edu e Antunes, e de como os fatos na carreira dos dois fizeram com que tivesse mais cuidado em sua vida profissional. Os exemplos que pôde presenciar, quando cada um estava bem ou mal em seus clubes, fizeram com que enfrentasse as dificuldades com mais tranquilidade. E da mesma forma soubesse aproveitar o momento de ascensão, sem se exceder. Zico fala de quando foi ao Maracanã no Fla-Flu de 1963, maior público da história do futebol mundial, em partidas entre clubes. Elogia o irmão Edu, como um dos mais habilidosos jogadores que já viu atuar e lembra de Antunes, segundo ele o mais chato de todos por reclamar de tudo. Por fim, fala com orgulho do time formado apenas pelos irmãos.

Zico I2
Zico lembra que a imagem do Maracanã que mais o impressionou foi a do Fla-Flu de 1963

Criado em 03/02/2020 - 12:00 Por Sergio du Bocage

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí