Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Em onze anos, 47 crianças foram vítimas de balas perdidas no Rio

Manifestação na praia de Copacabana lembrou dos meninos e meninas

Repórter Brasil

No AR em 30/03/2018 - 20:00

Os pertences de crianças e adolescentes, além de cartazes com os nomes e as idades das vítimas, foram pendurados na areia da praia. Um dos nomes lembrados foi o da estudante Maria Eduarda Alves, de 13 anos, que, há um ano, foi atingida por uma bala perdida dentro de sua escola. Os disparos foram feitos por policiais militares, que foram indiciados por homicídio, mas estão aguardando o julgamento em liberdade. A família de Maria Eduarda pede ainda, na Justiça, uma indenização ao Estado.

Criado em 31/03/2018 - 11:35

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí