Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Como será o mundo pós-pandemia?

Pediatra também esclarece sobre casos da Covid-19 em crianças

Sem Censura

No AR em 21/05/2020 - 14:00

O Sem Censura Especial Coronavírus está de volta ao vivo com informações atualizadas da pandemia da Covid-19 com nossos jornalistas no Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília.

Como vai ser o mundo pós-pandemia? Esta é a pergunta chave do programa desta quinta-feira (21). Todos sabemos que nada será como antes. Mas é possível ter uma ideia do futuro?

Rotina deve ser alterada até a ciência encontrar vacina para a Covid-19
Rotina deve ser alterada até a ciência encontrar vacina para a Covid-19 - Photo by August de Richelieu

A pesquisadora Debora Albu, especialista em tecnologia, traz algumas respostas. Ela atua no Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro (ITS Rio) e é mestre pela London School of Economics and Political Science (LSE), que fica na Inglaterra.

Sem uma vacina para a Covid-19, as soluções que permitiram o consumo, o trabalho, o ensino e o transporte durante o isolamento social devem permanecer, preveem os especialistas.

O pediatra e psiquiatra da infância e adolescência, Orli Carvalho da Silva Pinto fala sobre os casos de coronavírus em crianças e adolescentes. Ele esclarece sobre a síndrome inflamatória multissistêmica, que foi identificada nas crianças com o coronavírus, nos Estados Unidos. O problema afeta rins e coração.

Orli é médico do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira, da Fiocruz, no Rio de Janeiro.

E no quadro que dá um giro, vamos ao Amazonas, um dos estados mais afetados pela pandemia. A capital Manaus registrou mais de 1,4 mil mortes. Morador da cidade de Borba, Francisco da Costa Aires, comenta sobre o avanço da Covid-19 no interior.

Covid-19 colocou países em quarentena e mudou a rotina mundial
Mundo vai buscar soluções assépticas para evitar novas ondas de contaminação - Divulgação/TV Brasil

Criado em 21/05/2020 - 12:40

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí