Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Saiba como identificar sinais de abuso contra crianças

A conversa é com psicóloga e com escritor que foi vítima de violência

Sem Censura

No AR em 25/08/2020 - 14:00

O Sem Censura desta terça-feira (25) toca em um tema delicado: o abuso contra crianças. O apresentador Bruno Barros recebe para uma conversa séria a psicóloga infantil Neyza Prochet e o escritor Guilherme Pinto, vítima de uma experiência traumática na infância.

Neyza explica as várias formas de abusos contra as crianças e adolescentes e como os pais podem identificar sinais de problemas. Isolamento, dificuldade de falar, de olhar no olhos, são alguns deles. Importante lembrar que denúncias de abuso ou maus-tratos podem ser feitas por meio de ligação gratuita para o Disque 100. Não é preciso se identificar.

Ainda no Sem Censura, o escritor Guilherme conta como superou traumas de violência doméstica na relação com o padrasto e fala de sua busca pelo autoconhecimento. Os temas são tratados no livro "Como me tornei o amor da minha vida", da Editora Planeta.

O livro serve de inspiração em tempos de pandemia, em que o número de vítimas de violência doméstica, especialmente crianças e mulheres, tem crescido. O isolamento social se mostrou um grande desafio, mas também uma oportunidade de nutrir o tipo de amor mais importante que há para ser cultivado: o amor-próprio.

Confira ainda nesta edição todas as informações atualizadas ao vivo sobre a  pandemia com jornalistas do Rio de Janeiro, de Brasília e de São Paulo.

Você pode participar usando #semcensura no Twitter. A sua mensagem pode ser lida ao vivo.

Pesquisa da UFRPE revela que menores de idade estão mais vulneráveis e sensíveis por causa da pandemia
Pesquisa da UFRPE revela que menores de idade estão mais vulneráveis e sensíveis por causa da pandemia, por Photo by Ketut Subiyanto from Pexels

Clique aqui para saber como sintonizar a programação da TV Brasil.

Criado em 25/08/2020 - 11:10

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí