Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Muniz Sodré relembra a história da capoeira no Brasil

O capoeirista francês Petit Senzala fala sobre o sentido da prática no

Estúdio Móvel

No AR em 17/08/2016 - 23:50

Liliane Reis e Muniz Sodré relembram a história da capoeira

O Estúdio Móvel abre a roda para a capoeira que já teve papel na resistência cultural dos negros escravizados, sistema de defesa dos quilombos,esporte nacional e hoje é um dos símbolos mais fortes do Brasil no exterior. Para falar sobre quem são essas figuras fundamentais nos grupos vamos conversar com o capoeirista francês Petit Senzala, que tem um grupo sediado em Valence, cidade ao Sul da França, e vai bater um papo sobre o que é a capoeira representa em um mundo altamente globalizado. Quando questionado sobre o encantamento dos franceses com a capoeira Petit respondeu - “Fazer parte de um grupo de capeira dá uma força muito grande, acho que essa filosofia de grupo que a capoeira tem, esse sentimento de pertencimento é o que faz as pessoas gostarem da capoeira”.

No Estúdio, Liliane Reis conversa com o jornalista e sociólogo Muniz Sodré. Com cerca de  30 livros publicados na área de comunicação e cultura, incluindo o livro “Mestre Bimba – Corpo de Mandinga”, Sodré fala da experiência de ter sido discípulo do criador da capoeira regional.

Foi através de Mestre Bimba que a capoeira cmeçou a ser jogada de novo na rua. Foi ele quem cavou esse espaço, ele entendeu que para permanência daquilo que era proibido, naquela época a capoeira era proibida na Bahia e no Rio de Janeiro, era preciso dar uma respeitabilidade que fizesse penetrar no mundo branco.

Para Muniz Sodré a representação cultural que a capoeira alcançou foi mais eficaz do que as estratégias pensadas nas embaixadas brasileiras. “É por isso que eu digo, isso pode até incomodar,  mas a capoeira fez mais para cultura nacional, do que os adidos culturais nas embaixadas brasileiras. Levando a língua, a maneira de cantar e mais, levando a ideia de que na roda não tem discriminação racial




Clique aqui para saber como sintonizar a programação da TV Brasil.

Criado em 17/08/2016 - 10:51 e atualizado em 18/08/2016 - 19:59

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí