Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Novos padrões da indústria da notícia

Observatório da Imprensa debate os novos padrões da indústria da

Observatório da Imprensa

No AR em 15/09/2015 - 23:00

Alberto Dines apresenta o Observatório da ImprensaO mês de setembro começou sombrio para os jornalistas cariocas com o corte de cerca de 40 jornalistas nas redações dos jornais O Globo e Extra, administrados pelo Grupo Infoglobo. O total deste ano chega a mil profissionais desligados de veículos importantes como os sites Terra, R7, Grupo Bandeirantes, na Agência Estado e jornal O Dia. O jornal Brasil Econômico acabou.
A assessoria do Infoglobo confirmou que a empresa passa por um processo de reorganização interna que exige uma adequação ao cenário atual do mercado de comunicação.
A lógica de mercado não é obedecida no setor de comunicação. As empresas que mais demitem são também as que mais arrecadam em publicidade - privada e oficial. Reportagem da revista Meio & Mensagem revela que o "setor de mídia brasileiro é o 8º mais representativo em um ranking liderado por indústria, bancos e alimentos". O balanço é divulgado anualmente pela revista Forbes que publica a lista dos bilionários do país. Segundo a revista os irmãos Marinho possuem um patrimônio avaliado em 46 bilhões de reais. Enquanto isso, as empresas demitem profissionais com mais de duas décadas de jornal e, normalmente, admitem outros com salários 30% inferiores e contratados por Pessoa jurídica.
Diante deste quadro, o Observatório da Imprensa reúne, em estúdio, profissionais para um debate sobre os novos padrões da indústria da notícia e o futuro da profissão que já foi considerada o quarto poder.




Criado em 14/09/2015 - 13:36 e atualizado em 21/09/2015 - 13:50

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí