Museu Regional Casa dos Ottoni

Localizado em Serro, Minas Gerais, imóvel que abriga museu já foi até hospital

Museu Regional Casa dos OttoniAo longo de sua temporada, o Conhecendo Museus tem visitado muitos lugares de rica importância para a cultura e a memória brasileira. Desta vez, a câmera do programa será direcionada ao Museu Regional Casa dos Ottoni que já foi de residência a hospital.

Inicialmente foi residência do Procurador do Senado da Câmara, Manuel Gomes do Amorim e sua esposa, Juliana Correia da Cunha, posteriormente o edifício entrou para a história por ter abrigado a família de Jorge Benedito Ottoni, a presença da família na residência aconteceu, muito provavelmente, no final do século 18 ou início do século 19.

Atualmente, o acervo do Museu é formado por 485 peças inventariadas. São variadas e altamente ricas em memória cultural. Estão preservados utensílios de cozinha, equipamentos para extração de minério, pinturas, coleção numismática (moedas) e documentos pertencentes à família Ottoni. Painéis, mapas, fotografias, pinturas, lampiões e objetos do cotidiano completam o acervo que está disposto entre as oito salas de exposição.

Quem visita o Museu Regional Casa dos Ottoni não pode deixar de conhecer a varanda, uma extensão da casa que dá vista à boa parte da cidade. O jardim possui uma nascente preservada desde a família Ottoni. As árvores nativas e os animais fazem dele um ponto de lazer da população serrana e de turistas. É no jardim dos Ottoni onde acontecem muitas das atividades educativas. Além dele, o Museu conta com um terreno de 36.139,00 m2 que contempla o Bosque dos Ottoni, com um caminho que pode ser percorrido em forma de circuito fechado.

O programa Conhecendo Museus – Museu Regional de Caeté mostra um espaço dedicado ao direito às memórias, ao conhecimento e à formação da cidadania. Através do acervo que tem objetos que remontam ao Brasil Colônia e Império é articulado passado e presente, por meio da preservação de representações do imaginário de diferentes períodos da nossa história.

O Conhecendo Museus já teve 15 documentários produzidos em sua primeira temporada, todos entre Minas, São Paulo e Rio de Janeiro. Agora, são 52 episódios de 26 minutos cada, com produção assinada pelo Instituto Brasieliro de Museus (Ibram/MinC), Empresa Brasileira de Comunicação (EBC), TV Escola (MEC) e Fundação José de Paiva Netto.