Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

O Custo da Traição

Dias que Abalaram o Mundo

No AR em 12/03/2015 - 01:00

O casal Rosenberg foi executado na cadeira elétrica por espionagemNesta semana, Dias Que Abalaram o Mundo exibe o filme O Custo da Traição. A obra retrata dois episódios da história envolvendo espionagem e traição, e dois resultados diferentes. Enquanto os britânicos Guy Burgess e Donald MacLean, integrantes da rede dos "cinco de Cambridge", recrutados na conceituada universidade e que incluía ainda Kim Philby, Antony Blunt e John Cairncross, fogem e se refugiam na Rússia, em 1951, o casal americano Julius e Ethel Rosenberg foi executado em 1953, apesar de um pedido de misericórdia do Papa Pio XII.

A história conta que, em 25 de Maio de 1951, os serviços de segurança britânicos preparavam-se para acusar Donald Maclean, um alto diplomata, de espionagem a favor dos Russos. Como era uma sexta-feira, decidiram esperar até segunda-feira seguinte para o prenderem. Nessa noite, Maclean desapareceu, assim como Guy Burgess, outro importante diplomata. Estava óbvio que ambos tinham fugido para a Rússia. Pior ainda, alguém altamente colocado nos serviços secretos britânicos os informara. Naquele momento, passou a ser prioritário encontrar esse terceiro homem, que propiciou, por meio da informação, a fuga dos espiões.

Já os americanos Julius e Ethel Rosenberg  foram executados na cadeira elétrica em 1953 em razão de os russos terem usado o Relatório Smith e a rede de espionagem implantada nos Estados Unidos, na qual atuava Julius Rosenberg, para obter conhecimento e chegar ao segredo da bomba atômica e, em seguida, promover, em 29 de agosto de 1949, no Cazaquistão, o primeiro teste atômico russo.


 

 




Produtores-Executivos:
David Upshal (Windrush, The True Face of War)
Colin Cameron (The Heat Is On)
Uma produção Lion TV para BBC e History Channel

Criado em 27/02/2015 - 14:14 e atualizado em 27/02/2015 - 14:14

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí