Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

SP: detentos começam a produzir máscaras de proteção

Os detentos do sistema prisional de São Paulo começam a produzir as máscaras a partir desta quarta-feira (25) e a previsão é de que fabriquem 320 mil unidades, uma média de 26 mil por dia. O custo unitário informado pelo governo estadual é de R$ 0,80 e a promessa é de que o item seja feito segundo as normas da vigilância sanitária. A decisão vem junto com a confirmação do primeiro caso de coronavírus no sistema prisional paulista, um servidor do setor administrativo do Centro de Detenção Provisória de Praia Grande, na baixada santista, foi diagnosticado com Covid-19. Fonte: Radioagência Nacional

Criado em 25/03/2020 - 17:45

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí