Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Fabrício Boliveira comenta novo filme: “retrato do Brasil hoje”

Para o artista, longa reflete desigualdades e racismo atuais

Sem Censura

No AR em 02/09/2020 - 14:00

O Sem Censura desta quarta-feira (2) recebe o premiado ator Fabrício Boliveira para falar do filme que acaba de estrear. O longa Breve Miragem do Sol rendeu ao artista o prêmio de melhor ator no Festival do Rio em 2020. No programa de hoje, o apresentador Bruno Barros também conversa com o sismólogo da Universidade de São Paulo (USP), Bruno Colaço, que explica os recentes tremores de terra sentidos na Bahia, nos últimos dias.

Fabrício Boliveira em entrevista ao programa Estúdio Móvel, em 2016
Fabrício Boliveira em entrevista ao programa Estúdio Móvel, em 2016 - Reprodução/TV Brasil

No filme Breve Miragem do Sol, lançado no fim de agosto, Boliveira vive Paulo, de 40 anos. Desempregado, o personagem assume um táxi para pagar as contas. Paulo encara longas viagens na madrugada pelo subúrbio carioca também em busca de sobrevivência e de autoconhecimento. O longa, segundo o artista, reflete as desigualdades e o racismo que marcam o Brasil atual e está disponível somente na plataforma paga de streaming Globoplay

Recentemente, Boliveira também viveu o cantor Wilson Simonal, no filme de mesmo nome e é finalista em dez categorias do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, incluindo melhor filme, melhor trilha sonora e melhor ator.

Ainda no programa desta quarta, o sismólogo da USP Bruno Colaço explica que terremotos no Brasil são mais comuns do que imaginamos. Nos últimos dias, cidades baianas registram tremores de até 4,6 de magnitude. Apesar de o epicentro ter sido o interior, o recôncavo, a capital, Salvador também sentiu o impacto.

Confira ainda nesta edição todas as informações atualizadas ao vivo sobre a  pandemia com jornalistas do Rio de Janeiro, de Brasília e de São Paulo.

Você pode participar usando #semcensura no Twitter. A sua mensagem pode ser lida ao vivo.

Criado em 02/09/2020 - 00:40

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí