Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Magrelas

O uso das bicicletas como alternativa de transporte limpo e saudável

Sustentáculos

No AR em 13/12/2010 - 03:00

Bicicletas - Sustentáculos

Uma grande cidade não é feita apenas para carros. É preciso que o planejamento urbano contemple formas não poluentes de transporte, como as bicicletas, por exemplo. A bicicleta é um transporte limpo, saudável e democrático. Valorizadas em muitos poucos lugares do Brasil, bicicletas e ciclovias são aliadas de uma cidade mais saudável e ecológica. Como tributo a esse transporte milenar, esta edição do Sustentáculos vai falar sobre as famosas "magrelas".

Ricardo Kotscho é um jornalista brasileiro que recebeu quatro vezes o Prêmio Esso de Jornalismo - o mais importante da categoria no Brasil. Ele é autor de livros como A prática da reportagem, Serra Pelada: uma ferida aberta na selva e Explode um novo Brasil: Diário da campanha das Diretas. Atualmente, Kotscho escreve sobre o cotidiano em seu blog, Balaio do Kotscho. Kotscho admite que começou a caminhar por causa da sua saúde. Além disso, ele enfatiza que, por morar próximo ao trabalho, perto da escola de seus netos, e de todos os estabelecimentos necessários no dia a dia (padaria, farmácia, feira etc.), o ato de caminhar se tornou muito mais conveniente do que dirigir pela cidade. Para falar a verdade, ele só utiliza o carro para viajar para o sítio em Porangaba, onde já plantou muitas árvores.

Em seguida, o Sustentáculos mostrará um treinamento em grupo liderado por Marco Paulo Reis, formado em educação física e ex-treinador da seleção brasileira de triatlon. Na relaxante paisagem do Parque do Ibirapuera, Marco apresenta os principais alongamentos destinados a caminhadas e a corridas profissionais. Ele também realiza um percurso monitorado para ensinar como a caminhada pode ser útil na vida das pessoas.

Por fim, será possível conhecer a animação do "Saia na Noite", a primeira bicicletada brasileira destinada unicamente para mulheres e que acontece todas as terças-feiras nas vias de São Paulo. O grande diferencial dessa bicicletada é que tudo, absolutamente tudo, é rosa: o capacete, as bicicletas, as roupas, as proteções. O passeio foi criado por Teresa D"Aprile, uma moça de 60 anos que pedala mais do que muita gente de 20!

Apresentação Felipe Aragonez, Marina Thomé e Caio Braz
Livre
Horário: segunda, 20h30
Reapresentação: sábado, 16h30




Criado em 13/12/2010 - 13:14 e atualizado em 13/12/2010 - 13:14

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí