Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Esportes

Será que futebol e religião não se discute?

Entre o Céu e a Terra

No AR em 14/07/2017 - 22:00

Usar a mesma camisa da sorte ao assistir aquele jogo na TV, entrar com o pé direito no campo, fazer pelo sinal da cruz no início da competição: são inúmeros os exemplos de como os brasileiros podem ser supersticiosos no esporte. Até mesmo os jogadores e jogadoras muitas vezes atribuem seus feitos e sucessos a divindades que teriam intercedido por eles e não são poucos os esportistas homens e mulheres de fé.

Mas para além da superstição é íntima a relação entre religião e esporte. Nas civilizações antigas como Grécia, Roma e mesmo na civilização Maia, as práticas esportivas eram associadas ao culto aos deuses e deusas. Hoje em dia,  várias religiões, a fim de atrair os mais jovens e também de proporcionar lazer saudável a sua juventude de fé, promovem campeonatos esportivos e espaços de prática de futebol, capoeira, basquete, vôlei, entre outros, em suas sedes. No entanto, algumas religiões entendem o esporte como algo que valoriza demais o corpo, em oposição ao espírito e, de algum modo, estimula a sexualidade, portanto não se relacionam com a prática esportiva.

Alberto e seu personal trainer fazem exercícios
Alberto e seu personal trainer fazem exercícios - Divulgação/TV Brasil

Produção: Realejo Filmes
Direção: Thomas Miguez
Roteiro: Daniele Ricieri e Michelle Ferreira
Elenco: Clayton Mariano e Luiz Araújo

Ultimas

O que vem por aí