Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Quase dentista, João Máximo atendeu a Seleção de 58

E dentista formado, o primeiro emprego dele foi no Vasco

No Mundo da Bola

No AR em 15/09/2019 - 21:00

João Máximo queria ser dentista. E confessa não saber o motivo. Em mais um episódio da entrevista ao repórter Sergio du Bocage, ele fala desse período da juventude, em que se formou em Odontologia, em 1958, e que, apesar da paixão pelos jornais, não via o jornalismo esportivo como uma profissão. Ele lembra do tempo em que, na faculdade, teve a oportunidade de participar de uma atividade com a presença dos jogadores da seleção de 1958, que viria a ser campeã do mundo, todos levados pelo dentista da seleção, que também dava aula na faculdade. João Máximo lembra da primeira vez em que viu Garrincha de perto, com um modo de vestir totalmente diferente dos demais, e que, por conta disso, confidenciou a um amigo que não acreditava ser possível o Brasil ser campeão com um jogador como aquele. O primeiro emprego, como dentista, foi no Vasco, levado por um amigo do irmão Ãngelo, que era médico e chegou a ser presidente do Fluminense.

JMaximo interna 5
João Máximo conta a Sergio du Bocage sobre seu período como dentista

Criado em 15/09/2019 - 22:40 Por Sergio du Bocage

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí