Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

O dia em que as cartas pararam

O drama português segue uma estrutura não-linear entre passado e

Cine CPLP

No AR em 22/05/2017 - 23:00

Mulher olha para envelopes de cartas fechadas espalhadas pelo chão

Nos anos 60, Antonio, um agente da polícia política portuguesa, é destacado para seguir Aurora, uma jovem suspeita de oposicionismo, até Paris. No mês de maio de 1968, durante a revolta estudantil, os dois jovens apaixonam-se. De volta ao Porto, a paixão proibida termina bruscamente.

Durante décadas, Antonio escreve a Aurora cartas que ela guarda sem abrir. Quando a  correspondência é inesperadamente interrompida, ambos desistem de viver. A trama acompanha a descida aos infernos e recuperação de Aurora bem como a tentativa de suicídio e redenção de Antonio.

A história do filme segue também no tempo atual, tanto no Porto como em Paris, as trajetórias paralelas de duas irmãs gêmeas: Rita e Laura. Sem saber da existência uma da outra, elas são o resultado do romance proibido de Aurora e Antônio. Cada uma delas mergulha em subterfúgios que lhes permitem sobreviver à perda e à ausência de amor.

 

 

 

Direção: Cláudia Clemente

 

 

 

Tags:  CPLP Portugal cinema

Criado em 19/05/2017 - 16:35 e atualizado em 19/05/2017 - 16:35

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí