Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Diálogo Brasil debate os rumos da economia

Episódio conversa com economistas sobre propostas do novo governo

Diálogo Brasil

No AR em 12/11/2018 - 22:15

Jogo aberto, com cartas na mesa, sem agendas paralelas e com transparência para toda a sociedade. Essa é a receita do economista e consultor independente Carlos Eduardo Freitas, ex-diretor do Banco Central, para a condução das relações do presidente eleito Jair Bolsonaro com o Congresso Nacional. Já o também economista José Luís da Costa Oreiro, professor da Universidade de Brasília, acha que “vai depender da capacidade” de Bolsonaro para conversar, mas adianta que deve prevalecer a experiência parlamentar do presidente eleito no relacionamento com o Legislativo.

Os dois economistas são os convidados do Diálogo Brasil desta segunda-feira, que debate os novos rumos da economia brasileira. Ambos ressentem de mais clareza na definição das linhas mestras da política econômica do futuro governo. Oreiro observa que nem a reforma da Previdência está definida e põe em dúvida a promessa de zerar o deficit primário no primeiro ano do mandato. “Acho muito difícil” emenda Freitas, que também prevê problemas com criação de um superministério para a área, por juntar pastas, como Planejamento e Indústria e Comércio, que têm agendas próprias.

Participam ainda do programa, com perguntas aos convidados, o professor da Unicamp Luiz Gonzaga Belluzzo, que foi secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, e o economista Felipe Ohana, consultor do Senado Federal com passagens pela Cepal, pelo Ipea e pelo Banco Mundial. Com apresentação do jornalista Maranhão Viegas, o Diálogo Brasil é apresentado pela TV Brasil toda segunda-feira, sempre às 22h15.

Criado em 13/11/2018 - 10:15 e atualizado em 13/11/2018 - 13:45

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Ultimas

O que vem por aí

50 anos depois, a lua ainda fascina

Caminhos da Reportagem | terça, 22h30

O grande salto: 50 anos do homem na lua