Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Antero tenta fugir com Pilar

Luís Bernardo parte para São Tomé

Equador

No AR em 06/11/2013 - 01:30

 


Luís Bernardo conversa com João

Nesta terça (03), às 23h30, Luís Bernardo encontra-se com João no Chiado e conta que já começou a empacotar as suas coisas para levar a São Tomé. Durante o passeio dos dois amigos, Frederico cruza com eles e faz um convite a Valença para a festa de noivado de Antero. Luís recusa e é João que vem em socorro do amigo e diz que sim, que naturalmente, vão juntos a essa festa, na casa da prima.


Pilar recebe a visita de Frederico exigindo o anel de noivado de volta. Maria dos Prazeres intervém e garante que se cada um fizer a sua parte - Frederico trouxer o dinheiro e Pilar se afastar do Antero - o anel vai estar em Vila Franca no dia seguinte.


Um pouco depois, Frederico se encontra com o Conde Valle Flor, no Grêmio, para saber em que ponto está o empréstimo que lhe pediu. O Conde retira uma pasta com o dinheiro e espera que Frederico assine as condições. Como é o casamento de Antero que está em jogo, Frederico se submete. No mesmo dia, Frederico resolve então o seu negócio com Pilar e segue com o anel para Vila Franca.


Na Índia, David conta a Ann sobre a proposta mais generosa que o Vice-Rei lhe fez e que está de partida para S. Tomé. Esse é o preço a pagar pelo erro que cometeu e que ela não é obrigada a ir. Num diálogo tenso, Ann faz o marido sofrer, o mantendo na dúvida sobre se irá ou não com ele. Ela ainda confessa a decepção que toda esta situação lhe causou.


Entretanto, os pais de Ann aparecem sem avisar e não concordam com a ida da filha para São Tomé e Príncipe. No fim da conversa e, diante do marido e dos pais, embora o destino lhe desagrade profundamente, Ann diz que vai com David e que jamais o deixará.


No dia seguinte, o casal começa os preparativos para o embarque. Três meses é o tempo que lhes resta para se despedirem de todos e abandonarem discretamente a Índia.


À noite, mesmo depois de aceitar o dinheiro e prometer que se afastaria de Antero, Pilar encontra-se com ele e propõe que fujam juntos no dia seguinte, garantindo que tem dinheiro para começar uma vida nova em outro lugar. A única pessoa que sabe das intenções de Pilar de fugir com Antero é Imaculada. O Conde Valle Flor pretende ter a total exclusividade de Imaculada e paga a Maria dos Prazeres o que for necessário para tal.


No dia seguinte, dia da festa de noivado, um desorientado Antero comenta com Frederico que terminou o seu namoro com Pilar, mas que foi doloroso pois está apaixonado por ela.


Por coincidência, Frederico encontra os dois bilhetes de trem para Madri que estavam no bolso do casaco de Antero e decide tomar medidas antes que o casamento vá por água abaixo. Antero e Pilar combinam fugir na hora da festa de noivado, mas acabam por se desencontrar. Pilar recebe a visita de um de seus clientes e, por ordens de Maria dos Prazeres, é obrigada a fazer o serviço.


Frederico consegue encontrar o primo no meio do ambiente agitado da estação e faz um comentário malicioso de que por esta altura Pilar "deve estar pensando na melhor forma de gastar o dinheiro que me extorquiu para se afastar de ti".


Na mesma hora, em Vila Franca, todos aguardam a chegada de Frederico e do noivo. Marta está cada vez mais nervosa com a demora de Antero. Em um dos recantos da quinta, Matilde conversa a sós com Luís Bernardo para convencê-lo a não ir para São Tomé. Mas ele é o mais sincero possível quando diz que ela tem de seguir a sua vida.



Imaculada e Pilar fogem do bordel

Depois de chegar à estação de trem e perceber que Antero desistiu dela para se casar, Pilar regressa ao bordel. Ela pede a ajuda de Imaculada, num gesto de compaixão e para salvá-la do futuro que a espera. Pilar e Imaculada, cada uma já carregando a sua mala e visivelmente divertidas e empolgadas, afastam-se do bordel a passos rápidos sem que ninguém perceba. Maria dos Prazeres descobre que Imaculada fugiu com Pilar para Madri com o dinheiro que o senhor Albuquerque pagou a esta última para se afastar do primo dele.


Já na presença de Frederico e Antero, todos os convidados brindam aos noivos. Apesar do ambiente de festa, Antero está com um ar miserável.


No mês seguinte, Luís Bernardo despede-se dos seus empregados, do Capitão Ascêncio e do seu secretário Fonseca, muito emocionado. À noite, Luís faz a despedida final na companhia dos amigos João, Filipe e Mateus.



Matilde espia o embarque de Luís Bernardo

Na manhã seguinte, no cais onde o navio está atracado, Luís Bernardo se despede de João. Sem que ninguém dê pela sua presença, Matilde observa a partida de Valença com lágrimas escorrendo pelo rosto.


Depois de 15 dias de viagem a bordo do navio Zaire, Luís Bernardo é acordado pelo Comandante para ver ao longe, as Ilhas de São Tomé e Príncipe.






Criado em 12/10/2011 - 03:00 e atualizado em 12/10/2011 - 03:00

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí