Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Rock Brasil: Paralamas do Sucesso

Depoimentos e imagens de acervo reconstituem a carreira da banda

Musicograma

No AR em 23/07/2012 - 03:30

Herbert Vianna

Como todas as bandas surgidas no Brasil, quando o país pós-ditadura militar ensaiava os primeiros passos rumo à proposta de abertura política “gradual e irrestrita”, o guitarrista Herbert Vianna, o baixista Bi Ribeiro e o baterista Vital (a primeira formação de Os Paralamas) faziam da música apenas um passatempo. Um motivo para reunir amigos.

Esses encontros aconteciam numa garagem ou, no caso dos Paralamas, na sala da avó. Desses encontros informais até a tomada de consciência de que a música poderia entreter, aliviar tensões, mas, também, politizar, Os Paralamas do Sucesso levaram quatro anos. O batismo da banda ocorreu no verão de 1983 quando Vital e sua moto explodiu nas ondas da Rádio Fluminense, A maldita, eleita a porta voz do BRock.

A partir daí Os Paralamas se firmaram como uma das bandas mais criativas da MPB, ampliando o repertório, muito além dos três gêneros – Ska, Rock e Reggae – em que se baseou para iniciar a carreira há 30 anos. Não demorou muito para que o público e a crítica a elegessem como uma das bandas mais aclamadas do país, integrando o quarteto sagrado do BRock, ao lado dos Titãs, do Barão Vermelho e da Legião Urbana.

O movimento BRock é uma expressão criada pelo jornalista e crítico Arthur Dapieve e se refere aos grupos de garagem que começaram carreira no final dos 70 e início dos anos 80; que, do começo informal, pouco a pouco perceberam a força mobilizadora do Rock Tupiniquim.

Paralamas do Sucesso

 

 

 

 

 

 

 

Clique aqui para saber como sintonizar a programação da TV Brasil.

Criado em 06/07/2012 - 19:00 e atualizado em 21/08/2012 - 18:40

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí