Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

O som e a cor da minha terra: Pedro Ortaça

Visceral Brasil revê a trajetória do cantor, compositor e violonista

Visceral Brasil - As Veias Abertas da Música

No AR em 20/01/2017 - 01:30


Nascido em São Luiz Gonzaga (RS) em 1942, o cantor e compositor Pedro Ortaça faz da música um instrumento para manter acesa a fogueira cultural da região, que mistura influências culturais europeias, indígenas guaranis e pela ordem religiosa Jesuíta.

Pedro Ortaça

Ao leste do Rio Uruguai, Ortaça canta histórias de enchentes, de lutas sociais e de homens e mulheres que dedicaram suas vidas a labutar na terra. Daquele terreno fértil brotam canções e poemas improvisados – as chamadas “payadas” – sobre temas como a honestidade e a amizade, inspiradas em utopias e amores fronteiriços.

Vencedor do Prêmio Humberto Maracanã, do Ministério da Cultura, Ortaça é Mestre das Culturas Populares Brasileiras e autor de mais de 120 músicas. O artista é um dos principais baluartes da cultura gaúcha.

 




Ultimas

O que vem por aí