Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

Zeca do Trombone, Zé da Velha & Silvério Pontes

Uma rara audição de três estilos brasileiros de sopros

Musicograma

No AR em 22/08/2013 - 22:30

Ao colocar no mesmo programa os sopros de Zeca do Trombone, de Zé da Velha e do caçula do grupo, Silvério Pontes, o Musicograma oferece ao público a oportunidade rara de audição de três estilos brasileiros.

Músicos de formações diversas, individualmente ou tocando em dupla, como Zé da Velha e Silvério Pontes, trazem à memória as primeiras lições aprendidas nas bandas do interior; das apresentações nos coretos das pracinhas; das primeiras lições de música quando, entre um dó-ré-mi e outro, aprendia-se que oficleide não é nome próprio nem tuba é palavrão. A esta formação afetiva e humorada eles acrescentaram o exercício técnico aprimorado nos estúdios e como músicos acompanhantes.

Quem assistir ao programa vai saber que Zeca, Zé e Silvério são “escultores do vento”, expressão criada por Carlos Malta, outro mestre dos sopros. Escultores do vento são tradicionais na MPB. A dinastia começa com Joaquim Callado, quando levou sua flauta de ébano para o Choro e a linhagem se manteve com Patápio Silva, Bonfiglio de Oliveira, Pixinguinha, Raul de Barros, Raul de Souza, Paulo Moura e inspira centenas de crianças que, país afora, tiram sons de pífanos ou de flautas doces.

Ouvir Zé da Velha, fiel mantenedor da tradição do Choro; seu “aluno” Silvério Pontes e o Zeca do Trombone com seu instrumento escolado nas gafieiras é mergulhar no virtuosismo e no humor da música instrumental brasileira com sotaque universalmente carioca. 





Clique aqui para saber como sintonizar a programação da TV Brasil.

Criado em 15/05/2012 - 16:20 e atualizado em 16/08/2013 - 17:55

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí