Samba na Gamboa

Próximo episódio

  • Paulinho da Viola ‚Äď 70 anos

    Samba na Gamboa reapresenta programa que celebrou o anivers√°rio do ‚ÄúPr√≠ncipe do Samba‚ÄĚ, com a presen√ßa do pr√≥prio e de sua filha, a cantora Beatriz Faria.

    Beatriz Faria, Diogo Nogueira e Paulinho da ViolaEsta semana, o Samba na Gamboa relembra o aniversário de Paulinho da Viola. Herdeiro de grandes bambas, como Candeia e Nelson Cavaquinho, ele completou 70 anos em 2013 e permanece disposto a se renovar, sempre. 

    "√Äs vezes, levo um tempo sem pegar num instrumento e n√£o sinto falta. √Äs vezes, fico at√© olhando pro instrumento e n√£o quero tocar. A√≠ ou√ßo m√ļsica, ou√ßo os outros m√ļsicos tocando, mas eu mesmo me reservo este tempo e vou fazer outras coisas, vou pra minha oficina. Agora, estou montando e desmontando umas m√°quinas antigas que tenho, restaurando‚ÄĚ, confidencia o eterno "pr√≠ncipe do samba".

    Filho do m√ļsico Benedicto Cesar Ramos de Faria, violonista da primeira forma√ß√£o do lend√°rio √Čpoca de Ouro ‚Äď o grupo de choro mais longevo da hist√≥ria ‚Äď, Paulinho da Viola cresceu em um ambiente naturalmente musical. Apaixonado pela Portela, em 1970 comp√īs Foi um Rio que Passou em minha vida, seu maior sucesso, que se tornou hino de exalta√ß√£o √† sua escola de samba do cora√ß√£o.

    Na companhia da filha, Beatriz Faria, ele conversa sobre a relação familiar e relembra histórias da longa trajetória artística, além de cantar vários sucessos, como Dança da solidão, Coração leviano e Onde a dor não tem razão. 

     
     

    Apresentação: Diogo Nogueira
    Produção: Tatiana Bastos e Carlos Soton
    Direção: Belisario Franca

     

Episódios anteriores

P√°ginas

Programas