Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

A TV de Camarões

Crítica aos governantes, telenovelas e humor

A TV que se faz no Mundo 2

No AR em 21/12/2014 - 03:15

Família de olho na TV de CamarõesSe você zapear na televisão dos Camarões, você passará provavelmente pelo programa da Suzanne Kala-Lobé. Esta feminista de 50 anos, filha de um grande jornalista, não mede palavras no Canal Presse, um programa de debates entre jornalistas no Canal 2.

Paradoxo camaronês: a oposição não existe mais, mas a sociedade é muito politizada. E a televisão torna-se o vetor das críticas cada vez mais vivas dos cidadãos vistos no poder. O canal privado Equinox TV pagou um preço alto por isso. Criticou demais e foi fechado.

Por outro lado, a TV de Camarões também oferece entretenimento com as famosas telenovelas sul-americanas. As famílias se reunem e não perdem um capítulo. Mas o que eles mais gostam é que entram no ar os humoristas locais Fingon Tralala, Edoudoua e Tagne Kondom. O trio faz paródias sobre a França em seus esquetes televisados. Eles contam piadas, por exemplo, em "camfranglês", uma mistura da língua local, do francês e do inglês.




Criado em 26/02/2013 - 17:50 e atualizado em 26/02/2013 - 17:50

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí