Digite sua busca e aperte enter

Compartilhar:

A TV que se faz no Iraque

Apesar das cenas de atentados, há espaço para programas dedicados à

A TV que se faz no Mundo 2

No AR em 18/10/2013 - 02:00


A família iraquiana diante da TVEste episódio de A TV que se faz no mundo retrata a televisão que se faz no Iraque, país do Médio Oriente limitado a norte pela Turquia, a leste pelo Irã, a sul pelo Golfo Pérsico, pelo Kuwait e pela Arábia Saudita, e a oeste pela Jordânia e pela Síria, cuja capital é Bagdá, cidade localizada no centro do país, às margens do rio Tigre. Lá, a televisão retrata a situação do país. Por isso, ao zapear pelos canais é bem provável que se depare, num telejornal local, com cenas de atentados.

Na última década, os atentados suicidas se sucedem ao ritmo de um a cada três dias e essas imagens fazem parte, aliás, da paisagem audiovisual iraquiana, mesmo com a queda do então presidente Saddam Hussain.

Uns quarenta canais abriram as portas no país após 2003. Mesmo assim, o controle remoto de pouco servia aos telespectadores iraquianos, que até então nem sabiam o que queria dizer zapear. Se cada religião e cada comunidade têm seus próprios canais, outros canais generalistas independentes foram igualmente criados, o que é um fenômeno completamente novo. Todos esses canais têm um ponto em comum: eles dão a palavra aos iraquianos que, após dezenas de anos de silêncio forçado, alegram-se por poderem falar sobre qualquer coisa diante da câmera. E o símbolo dessa nova tendência é o programa chamado "A palavra livre", no canal público Al Irakyia. Apesar da aridez da situação do país, os Iraquianos também tomam a palavra para recitar poemas. Na cidade das Mil e uma Noites, os poetas têm seu lugar em todos os canais.

No país cuja cultura se confunde com a história da Humanidade, em qualquer que seja o canal, a televisão dedica muito de seus programas às mulheres. Nas ficções, elas são as heroínas E a preferida dos telespectadores, por acaso, é turca. É que as ficções daquele país, mais recentemente, fazem enorme sucesso no mundo árabe. Outro sucesso local é á série "Allia", que retrata o universo impiedoso da moda no qual a moça, Allia, trabalha.




Título Original: Toutes les teles du monde
Título no Brasil: A televisão que se faz no mundo - Iraque
País de Origem: Françe
Ano: 2010
Duração: 26 min.
Diretor: Fulvia Alberti
Diretor Geral: Vladimir Donn
Gênero: Documentário
Categoria: Documentário
Formato: Série
 

Criado em 07/10/2013 - 18:13 e atualizado em 16/10/2013 - 18:18

Dê sua opinião sobre a qualidade do conteúdo que você acessou.

Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e clique na barra de manifestação.

Você será direcionado para o "Fale com a Ouvidoria" da EBC e poderá nos ajudar a melhorar nossos serviços, sugerindo, denunciando, reclamando, solicitando e, também, elogiando.

Denúncia Reclamação Elogio Sugestão Solicitação Simplifique

Últimas

O que vem por aí